Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Imprensa Notícias 2018 Maio Adeal participa de reunião regional sobre erradicação da febre aftosa
10/05/2018 - 11h08m

Adeal participa de reunião regional sobre erradicação da febre aftosa

Encontro promovido pelo Ministério da Agricultura debate o plano estratégico de combate à doença

Adeal participa de reunião regional sobre erradicação da febre aftosa
Texto de Dorgival Junior

O presidente da Agência de Defesa e Inspeção Agropecuária de Alagoas (Adeal), Augusto César Jatobá, participa, esta semana, da primeira reunião do bloco três para debater o Plano Nacional Estratégico da Febre Aftosa (PNEFA) para 2017/2026, realizada na cidade de Natal, no Rio Grande do Norte.

 

O encontro, que conta também com a participação do assessor executivo de Defesa Agropecuária, Ironaldo Monteiro, e do chefe do Núcleo de Defesa Animal da Adeal, Hedivardo Otoni, é promovido pelo Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento (Mapa) e reúne dirigentes dos órgãos de defesa dos estados que formam o bloco três: Alagoas, Ceará, Maranhão, Paraíba, Pernambuco, Piauí e Rio Grande do Norte.

 

A programação do evento, que teve início na terça-feira (8) e prossegue até o dia 11 deste mês, conta com os painéis Plano Estratégico 2017-2026 do PNEFA; Sustentação Financeira do Plano; Características geográficas e estruturais das fronteiras da região com impactos na transição de status sanitário, Programa de Avaliação da Qualidade e Aperfeiçoamento dos Serviços, Situação atual de serviços veterinários oficiais que integram o bloco III, sem divisa geográfica com bloco IV” e a apresentação - Plano Estratégico 2017-2026 do PNEFA com a atualização das ações implementadas nacionalmente e orientações para gestão das operações nos estados.

 

Além do debate sobre o plano estratégico, também estão sendo definidos aspectos relativos à sanidade dos suínos nos estados que compõem o referido bloco.

 

O evento reúne ainda representantes do setor político, setor produtivo, setor industrial, sindicatos, entidade de fiscalização do exercício profissional, além do corpo técnico do Mapa das superintendências estaduais.

Ações do documento